1 2 3 4 5

Ciclismo e Sìndrome do Canal Cubital (Nervo Ulnar)

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010
Durante minha última cicloviagem comecei a sentir formigameto e dormência nos dedos mínimo e anelar (ou melhor explicado no mindinho e seu vizinho hehehe) da mão direita. Achei que só duraria enquanto estivesse pedalando, porém já passada mais de uma semana e nada dos sintomas sumirem. Demorei, mas hoje fui procurar um médico ortopedista, que rapidamente diagnosticou como sendo síndrome do nervo cubital, então trago aqui pra vocês informação sobre esse problema, que, ao qual, nós, amantes da bike estamos sujeitos.

O que é?

O nervo ulnar é responsável pela parte sensorial e motora do 5o. dedo e da metade do quarto, e, em seu trajeto para a mão passa no Canal de Guyon. A síndrome, é então, o resultado desta compressão, podendo seus efeitos serem passageiros ou duradouros, dependendo do dano causado ao nervo.

Sintomas:


A compressão do nervo pode comprometer, não só parte a sensorial mas também a motora da região indicada na figura abaixo.


Como acontece?

No ciclistas isso acontece devido basicamente devido a sobrecarga de esforço na região do pulso e da mão.

Como tratar?

Aí só o médico pra indicar ;-)
No meu caso foi tratamento com cortizona e 10  sessões de fisioterapia.


E o mais importante, como prevenir ?

Nós, ciclistas, então devemos tomar cuidado na maneira como seguramos no guidon, e na quantidade de peso que jogamos em cima da mão. Neste caso um bike fit seria ideal para corrigir toda a sua postura em relação à bicicleta para aliviar a pressão no pulso.

  •  Ajuste a angulação dos freios e trocadores de forma que estes sigam a direção imaginária do seu braço. 
  • ´Verifique se os manetes de freio está correto no sentido longitudinal do guidon, de modo que você não tenha que "entortar" os dedos para a direita ou esquerda para acioná-los.

A utilização de luva e manoplas adequadas ajudam. No meu caso, acho que o o bar end também ajudou a comprimir a região afetada, então acho que é importante prestar atenção se a mão não esa sendo "amassada" pelo bar end.

  • Existem hoje luvas e manoplas ergonômicas para que distribuem melhor a pressão nesta região da mão.  A marca pioneira neste sentido é a Ergon Grip, porém hoje já existe boas soluções com preço mais acessível: VEJA COMO ESTAS MANOPLAS FUNCIONAM: http://www.ergon-bike.com/us/en/ergonomics

  • Por fim, em longas pedaladas, devemos mudar a posição da mão no guidon de tempos em tempos, e evitar de passar mais de 15 minutos seguidos com a coluna inclinada para baixo.

Fontes de pesquisa:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Nervo_ulnar

http://www.sportsinjurybulletin.com/archive/cycling-injuries.html

http://www.sosmaorecife.com.br/page18/page28/page79/page79.html

VAMOS PEDALANDO...agora tomando mais cuidado com a mão ;-)

3 comentários:

J O T A disse...

Bom dia,

Muito boa a dica e orientações. Eu tinha esse problema na mão direita e não sabia o que era e isso acabou quando troquei a mesa da bike e adequando a altura ao meu tipo físico.

Abraço

Vinicius disse...

Olá,

Eu me enquadro no problemático... Senti a dormência, e me informei, removi o bar-end e troquei a manopla. Após a troca melhorou com apoio (Ergon GX-1), só que em algumas provas eu coloco a manopla comum, e voltou a dormência. Agora é hora de tratar... Ainda mais que é o começo.

Valeu a dica!

Anônimo disse...

Hey, I am checking this blog using the phone and this appears to be kind of odd. Thought you'd wish to know. This is a great write-up nevertheless, did not mess that up.

- David